7 de dezembro de 2013

Resenha: O Casamento - Nicholas Sparks


Olá amigos, hoje trago-vos um livro que para mim foi um dos melhores de Nicholas Sparks:
O Casamento. 

Não deu para fazer a resenha de Insurgente de Veronica Roth, mas não se preocupem que não vão ficar sem resenha hoje =D

Já sei que eu escrevo muitas resenhas do mesmo autor, mas gente eu amo o Nicholas, então sempre que há um livro dele para fazer uma resenha rs. 


O Casamento é a continuação do livro Diário de uma Paixão, calma não é sobre o Noah nem sobre a Allie, mas sobre o casamento de uma das suas filhas, Jane, mas para não perdermos o gostinho daquele amor, existem certas partes que falam da vida de ambos. Para mim o primeiro livro foi o melhor de Nicholas Sparks, eu fiquei apaixonada por Noah e pelo amor que ele tinha por Allie, mesmo nas piores circunstâncias, mas este livro é sobre um relacionamento fraco, e para quem não leu o Diário de uma Paixão não se preocupem que a segunda história dá para ler sem saber da primeira, porque apesar de ter Noah na história o tema é um pouco diferente. 



Sinopse: 


Autor: Nicholas Sparks 
Editora: Arqueiro 
Número de páginas: 223 
Gênero: romance 


Após quase 30 anos de casamento, Wilson Lewis é obrigado a encarar uma dolorosa verdade: sua esposa, Jane, parece ter deixado de amá-lo, e ele é o único culpado disso. Viciado em trabalho, Wilson costumava passar mais tempo no escritório do que com a família. Além disso, nunca conseguiu ser romântico como o sogro era com a própria mulher. A história de amor dos pais de Jane, contada em Diário de uma paixão, sempre foi um exemplo para os filhos de como um casamento deveria ser. Diante da incapacidade do marido de expressar suas emoções, Jane começa a duvidar de que tenha feito a escolha certa ao se casar com ele. Wilson, porém, sente que seu amor pela esposa só cresceu ao longo dos anos. Agora que seu relacionamento está ameaçado, ele vai fazer o que for necessário para se tornar o homem que Jane sempre desejou que ele fosse. Em O Casamento, Nicholas Sparks faz os leitores relembrarem a alegria de se apaixonar e o desafio de se manterem apaixonados. 



Quando se esqueceu do aniversário de casamento de 29 anos, Jane ficou muito sentida, o que a fez perder o interesse por seu marido, que passava a vida fora trabalhando e dava pouca atenção à sua casa. Wilson, um homem tímido e de rotinas, sabia que tinha um ano para se redimir da situação, antes que Jane decidisse por fim a tudo. 

Anna, a filha de ambos, trás a notícia que se irá casar, o que será a melhor coisa que poderia acontecer a seus pais depois de tudo o que se tem passado. Jane muito entusiasmada, finalmente poderá participar de um casamento perfeito, algo que ela nunca tivera já que ela e Wilson se casaram apenas pelo cartório.

Assim toda a família se reúne para preparar a maior e mais bonita festa de casamento para Anna, juntando Leslie ( irmã) e Jane( mãe) na compra dos vestidos e a tudo a que se tem direito. Wilson para agradar a esposa, dá a melhor ideia de sempre: fazer o casamento na casa de Noah e Allie, onde Jane e seus irmãos cresceram, à muito abandonada desde que Allie e Noah foram viver para a casa de repouso, onde Noah continuou mesmo depois da morte da sua amada. Assim Wilson consegue restaurar a casa e arrumar tudo com a maior perfeição, mesmo o camaranchão de rosas por baixo da varanda. 

Sempre com a ajuda de Noah, um romântico incurável, Wilson começa a reconquistar a sua esposa, e ambos relembram os tempos em que eram jovens e despreocupados, e principalmente muito apaixonados. 

Comentário


Primeiro achei que não iria gostar muito do livro, pois trata-se de duas pessoas casadas à 30 anos com dificuldades no seu casamento, e eu não tenho experiência nenhuma nesse assunto, mas é uma aprendizagem sobre o amor e sobre o companheirismo entre duas pessoas que já passaram por muito, inclusive o nascimento de três filhos: Leslie, Anna e Joseph. 


Com um final surpreendente, posso dizer que este é o livro mais bonito que eu já li de Nicholas Sparks, e não tem nenhuma morte! Isso não é fantástico? Para quem está acostumado como eu com os livros de Nicholas, não se preocupem, ninguém morre, ninguém tem acidentes, é apenas uma ótima leitura para quem gosta de romances e ainda acredita no amor. 

O livro é basicamente sobre como amar uma pessoa incondicionalmente e em qualquer situação da mesma maneira, seja por quanto tempo for. Então como escapar às rotinas do dia-a-dia e apenas estar com “aquela” pessoa da mesma maneira que se estava quando se conheceram? Quando estiveram perdidamente apaixonados um pelo outro e nem conseguiriam estar muito tempo separados? Nicholas nos ensina que o amor não é algo que possa ser controlado, mas pode ser sempre aperfeiçoado pois ele é perfeito. 

“O amor é sustentado por ações, pela constante dedicação às coisas que um faz pelo outro diariamente”.


2 comentários:

  1. Ana também amei esse livro e assim como vc li depois de ler Diário de uma paixão. Também amo Noah, ele é um dos personagens mais românticos e queridos para mim. A mensagem desse livro é linda mesmo.
    Ana parabéns pela leitura e resenha. Te espero lá no blog viu!!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline obrigada =D Este livro é ótimo mesmo. Vou já entrar no seu blog ;)
      Beijinhos

      Excluir

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Editado por: Carolina Lopes • voltar ao topo