12 de abril de 2014

Resenha: Eleanor & Park - Rainbow Rowell


Olá meus amigos. Que tal uma resenha hoje? O livro que vos trago é de Rainbow Rowell e se chama:
Eleanor & Park


Para ser sincera, eu não conhecia esta escritora, na verdade nem nunca tinha ouvido falar dela, mas um dia destes fui a uma livraria ver as últimas novidades, e quando olhei para a capa dele eu soube que deveria ser bom mas quando eu li a sinopse tive a certeza absoluta e devo dizer que não me enganei.

Sinopse

Autora: Rainbow Rowell
Editora: Novo Século
Número de páginas: 325
Gênero: Romance

Eleanor & Park é engraçado, triste, sarcástico, sincero e, acima de tudo, geek. Os personagens que dão título ao livro são dois jovens vizinhos de dezesseis anos. Park, descendente de coreanos e apaixonado por música e quadrinhos, não chega exatamente a ser popular, mas consegue não ser incomodado pelos colegas de escola. Eleanor, ruiva, sempre vestida com roupas estranhas e “grande” (ela pensa em si própria como gorda), é a filha mais velha de uma problemática família. Os dois se encontram no ônibus escolar todos os dias. Apesar de uma certa relutância no início, começam a conversar, enquanto dividem os quadrinhos de X-Men e Watchmen. E nem a tiração de sarro dos amigos e a desaprovação da família impede que Eleanor e Park se apaixonem, ao som de The Cure e Smiths. Esta é uma história sobre o primeiro amor, sobre como ele é invariavelmente intenso e quase sempre fadado a quebrar corações. Um amor que faz você se sentir desesperado e esperançoso ao mesmo tempo.



"Uma linda e perturbadora história de amor" - John Green

Eleanor & Park são adolescentes comuns dos anos 80, que vivem nos Estados Unidos da América e que curtem música rock e gibis. Até então não se conheciam, mas quando Eleanor se mudou para a escola de Park tudo mudou. 

Vinda de uma família problemática e cheia de irmãos, Eleanor vive com a mãe e com o padrasto numa casa bem pobre onde todos os irmãos dormem no mesmo quarto. Com roupas bem extravagantes, o seu cabelo ruívo e volumoso e o seu corpo rechonchudo ela chama a atenção de todos, mas não pela positiva.
Park metade coreano metade americano com seus olhos verdes, é praticante de artes marciais e vive na sua bela casa com os seus pais felizes e o seu irmão.  Apesar de ser um rapaz diferente dos restantes, conseguiu conquistar o seu lugar na sua escola, não é popular mas também não é um zero à esquerda, até ao dia em que Eleanor entra no ônibus escolar, e a sua vida começa a mudar.

"Não morda o rosto dele, Eleanor disse a si mesma. Incomoda, é coisa de gente grudenta, e nunca acontece em seriados ou filmes que terminam com aqueles beijos cinematográficos".

Primeiro Park detestou a ideia de ter alguém como Eleanor sentado ao seu lado, mas o que ele deveria fazer quando não haviam mais lugares? A sua avó sempre lhe disse que ele deveria ajudar os outros, mas ele não sentiu que teria sido uma coisa boa. Todas as manhãs eles se encontravam, e Park sempre ouvia a sua música e lia os seus novos X-Mens e começou a notar que Eleanor também lia com ele, então começou a virar as páginas mais devagar até que lhe começou a emprestar os seus gibis e a fazer fitas de músicas ( The Smiths, Led Zepplin, Black Sabbath, The Cure etc.)  Começa assim um romance improvável entre pessoas totalmente diferentes.


Comentário

Lindo, empolgante, fofo e muito romântico! Este livro fala sobre o primeiro amor, algo que todos nos podemos relacionar, quem nunca teve? Mostra que não é preciso ser se magro, ou viver dentro dos estereótipos estabelecidos pela sociedade de beleza. Duas pessoas, diferentes que apenas se apaixonam. Não é lindo?

Não é daqueles livros chatos com apenas aquela conversinha de "ai eu te amo tanto", é um romance sólido, que começa da melhor maneira: rock e livros, as minhas duas coisas favoritas. Acho que é o primeiro livro que eu dou cinco estrelas, então é porque é mesmo muito bom.

Acho que foi uma excelente ideia a escritora escrever um livro nos anos 80. Para ser sincera não tinha lido nenhum que se passasse nessa altura, mas acho que foi perfeito. Foi uma época em que o rock dominou a música, e as melhores bandas começaram a aparecer e os gibis estavam na moda. Todo o mundo estava adquirindo o seu estilo, todos estavam a começar a ser mais liberais, mas também não desrespeitando  as leis da educação por completo. 

" Ela sorriu. Park soltou as mãos de Eleanor e segurou seu rosto. As bochechas de Eleanor estavam frias, e seus olhos se perdiam na escuridão.Ela era tudo o que ele conseguia ver"


O romance de Eleanor e de Park tornou-se algo muito bonito de se acompanhar. Algo tão simples e honesto, em que apenas dar as mãos já era a coisa mais importante e significativa. Sem malícia, eles vivem um amor puro, mas claro, este livro retrata, como eu já falei, o primeiro amor, não esperem que eles fiquem felizes para sempre, eles tinham 16 anos. 
Mas o que somos sem as nossas lembranças? Sem os momentos inesquecíveis? Na verdade as memórias mais bonitas que temos, se todos pensarem bem a respeito, são as coisas mais comuns e normais, mas que realizadas por certo tipo de pessoas ficam gravado para sempre. Quem não se lembra do primeiro amor, do primeiro beijo, do primeiro te amo? Não se poderá esquecer. 


"Você salvou a minha vida, ela tentou dizer. Não para sempre, não definitivamente. Provavelmente, só por certo tempo. Mas salvou minha vida, e agora eu sou sua. O que sou agora é seu. Para sempre"




Espero que tenham gostado =)



4 comentários:

  1. Confesso que diferente de vc não fui conquistada pela capa, achei ela muito infantil; mas a opinião geral é bem positiva. Pelos seus comentários confesso que o enredo parece interessante. Essa questão dos anos 80 é um incentivo, adorei essa época ... Minha infância \o/
    Ana amei seus comentário românticos e inspiradores. Vou add a minha lista de desejos. Bjos querida!!!

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Aline, realmente a capa é infantil, mas na verdade o livro é sobre o primeiro amor, algo que ainda é bastante inocente e podemos dizer infantil mesmo.
      Muito obrigada =)
      Beijinhos

      Excluir
  2. Li esse livro em inglês logo após ele ter sido lançado e AMEI, tem uma história que te prende e os personagens são maravilhosos. ótima resenha.

    http://www.whoisllara.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Lara. Eu li à pouco tempo, mas realmente é um ótimo livro, tudo, para mim, foi perfeito.
    Muito obrigada =)
    Beijinhos

    ResponderExcluir

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Editado por: Carolina Lopes • voltar ao topo