8 de maio de 2014

Resenha: Harry Potter e a Pedra Filosofal - J. K. Rowling


Eu sei que vocês (ou a maioria) deve estar pensando: "Como que ela ainda não tinha lido Harry Potter????" Eis a minha resposta: Eu também não sei! Me apaixonei e agora não quero saber de outra coisa! Pra quem ainda não leu eu fiz essa resenha pra encoraja-los a ficarem viciados também.

Editora: Rocco
Páginas: 223
Ano: 2000

Sinopse: "Harry Potter é um garoto comum que vive num armário debaixo da escada da casa de seus tios. Sua vida muda quando ele é resgatado por uma coruja e levado para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Lá ele descobre tudo sobre a misteriosa morte de seus pais, aprende a jogar quadribol e enfrente, num duelo, o cruel Voldemort."










Preciso contar a história? Quem não leu, provavelmente já viu o filme alguma vez. Mas por aqueles que não sabem mesmo (se é que tem) vamos lá: Harry é um bruxo, mas quando pequeno os seus pais morrem e ele é obrigado a morar com seus tios que não compartilham dos mesmos poderes que ele, que até então nem ele mesmo tinha conhecimento de que possuía até ser convidado a estudar em uma escola própria de bruxos.

Eu cresci vendo os filmes de Harry Potter, mas não sentia nada demais em relação a eles por isso não me despertava o interesse em ler os livros. Até que minha amiga linda (Rafaela Portugal, obrigado de coração ) revolveu que queria lê-los e, lógico, me emprestar!

Como eu já havia visto o filme, a história não foi nenhuma surpresa, mas se tem uma coisa que me encantou nesse livro é a perfeição que a autora criou esse mundo, ela pensou em exatamente tudo, e não tem nada que eu diga que foi colocado lá sem fundamento. Ela não foi um daqueles autores que começou a escrever sem se ligar em como fecharia a trama, desde o início vemos evidências que só no final vamos entender o que que determinado personagem estava fazendo em determinado lugar em determinado momento. 

Os personagens são apaixonantes, a Hermione é um poço de inteligencia e o Rony e seus irmãos muito engraçados. As aventuras e problemas que eles se metiam eram necessárias, e a autora não contava de um modo arrastado, ela dizia o que tinha que dizer e pronto. 


A única coisa que me incomodou um pouco foi a edição, as páginas são brancas e como eu não estou acostumada não consegui ler muitos capítulos de uma vez só. E também a forma que elas são presas, parecia que iam soltar, dava até medo de pegar, mas não teve perigo não, estavam bem seguras. 


Eu sou a Mariana Storck e até a próxima!


6 comentários:

  1. Como não amar HP né mesmo, o engraçado é que eu não consegui me prender tanto a escrita da autora em Morte Súbita. =/

    http://amolivrosdeverdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, vi muita gente falando isso, ainda bem que eu não comecei por esse, se não ia ficar com uma impressão ruim :/

      Excluir
  2. Harry Potter é vidaaaaaa!♥

    Catrine - http://cloudofdream.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To começando a compartilhar da mesma opinião kkkkk

      Excluir
  3. Meeeeeu Deeeeeeeeus não acredito HAUHAUAUAHAUH /tobrincando

    Deixa eu confessar: minha avó MINHA AVÓÓÓÓÓ estava lendo HP há uns bons anos atrás, eu tinha no máximo 12 anos... Então, fiz cara de nojinho e não li.Quatro dias depois vi o primeiro filme e sai igual a uma LOUCA e comprei todos os livros que já tinham sido publicados. Li em pouquíssimos dias e sou perdidamente apaixonada até hoje!

    Ana P.M. ♛ Queen Reader - Venha conhecer o Castelo!
    http://booksandcrowns.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Editado por: Carolina Lopes • voltar ao topo